A reputação online define o sucesso ou o fracasso do negócio hoteleiro

“Uma das maneiras mais estratégicas para confeccionar um Capex é checar constantemente os reviews/ comentários dos hóspedes relatados na web"


“Quanto mais elevada a reputação online do hotel, maior a recorrência e reservas diretas do hotel e menos sensível é o cliente ao preço, ou seja, maior a diária média”. Essa frase é do fundador e presidente da Nobile Nobile Hotels & Resort, hoteleiro Roberto Bertino em sua carta enviada mensalmente aos seus parceiros, colaboradores e acionistas.


Segundo Roberto Bertino, dentre os vetores que elevam a satisfação dos hóspedes e, consequentemente, a reputação online dos hotéis está a gestão eficaz do CAPEX, sigla de “capital expenditure”, ou despesas de capital.


“Uma das maneiras mais estratégicas para confeccionar um Capex é checar constantemente os reviews/ comentários dos hóspedes relatados na web, ambiente que se apresenta como fonte preciosa de informação e que revela as impressões dos clientes sobre o hotel”, afirma ele.


Bertino, que é administrador de empresas e praticamente nasceu dentro de um hotel (seu pai construiu um na Praia da Boa Viagem, em Recife) demonstra não só autoridade como autenticidade quando afirma: “De posse dessas informações, pode-se elaborar e executar um Capex com eficácia, aplicando os recursos em itens que agreguem valor à prestação de serviços, promovendo a satisfação dos hóspedes e assim elevar a reputação online do hotel na web garantindo o ciclo virtuoso”, ensina.


Segundo o hoteleiro, esse ciclo virtuoso consiste em cinco pilares fundamentais:


  1. Clientes satisfeitos geram melhores reviews/ comentários na web;

  2. Melhores reviews/ comentários garantem elevada reputação online do hotel;

  3. Elevada reputação do hotel torna o cliente menos sensível ao preço;

  4. Clientes satisfeitos e menos sensíveis ao preço permitem ao hotel vender diárias mais elevadas que a sua concorrência primária com vendas recorrentes e diretas nos canais da rede; e

  5. Vendas diretas reduzem os custos com comissões pagas a terceiros, aumentando a rentabilidade do negócio hoteleiro e a valorização patrimonial do empreendimento.

Novo empreendimento

Nesta mesma carta, Roberto adianta que incorpora ao portfólio da rede, agora em setembro, o HOTEL ROOCHELLE BY NOBILE na cidade de Curitiba, no estado do Paraná. “A NOBILE continua a sua marcha de 20 milhas ao dia, crescendo e se consolidando como uma das melhores e maiores administradoras hoteleiras do Brasil e da América Latina”, afirma o administrador.


FONTE: diariodoturismo.com.br