Adaptação do comércio à “geração prateada” depende de mudança cultural

Confira debates sobre o tema no Longevidade Expo + Fórum 2022, evento que tem apoio e participação da FecomercioSP


O crescimento contínuo do segmento de consumidores 50+ e as mudanças e necessidades que este fenômeno provoca na sociedade e na economia serão assuntos discutidos no evento Longevidade Expo + Fórum 2022, entre os dias 29 de setembro e 1º de outubro, no Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo.

O encontro, realizado juntamente com a Silver Week 202, conta com o apoio e a participação da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), que tem debatido frequentemente nos seus diferentes conselhos e comitês a questão da inclusão da população 50+ e da luta contra o preconceito de idade, o chamado “etarismo”, na sociedade. Na Longevidade Expo + Fórum 2022, estarão presentes Fabio Pina, assessor econômico da Federação, e Eduardo Pastore, assessor jurídico da Entidade.

A quarta edição do evento, que será realizada no modelo híbrido, também vai servir para analisar o comportamento do público-alvo a respeito de tecnologia e inclusão digital; turismo, cultura e entretenimento; moda, beleza e cuidados pessoais; entre outros.

“Uma pessoa com mais de 50 anos já foi considerada um problema social para a sociedade. Contudo, atualmente, ela deve ser vista como uma solução para o mercado, já que essa população sustenta lares, estuda, trabalha e está ativa. Vamos nos reunir na Longevidade Expo + Fórum 2022 para discutir este novo papel das pessoas longevas na sociedade”, explica Walter Feldman, presidente do evento, que terá 250 palestrantes, mais de cem marcas expositoras e três congressos.

FONTE: fecomercio.com.br