Juros no Brasil devem cair antes do que em países desenvolvidos

André Sacconato analisa queda do IPCA e os dados de emprego nos Estados Unidos

Os últimos resultados do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que registrou queda de 0,29% em setembro, é analisado no Economix – podcast de economia e negócios da Federação do Comércio Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP). Este é terceiro mês de deflação do indicador.

“Devemos ter uma inflação que vai caindo ao longo do ano, e o combustível deve diminuir influência negativa no índice nos próximos meses. Assim, a perspectiva de inflação no Brasil é positiva. É possível que os juros, por aqui, caiam bem antes do que nos países desenvolvidos”, explica André Sacconato, assessor econômico da Entidade.

Também em debate, os números da Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que mostram uma nova queda nas atividades. No cenário internacional, análises do Índice de Preços ao Consumidor (CPI) e do Payroll, que reflete os dados de emprego nos Estados Unidos.


FONTE: fecomercio.com.br