Taxa Selic mantida em 13,75%: chegamos ao fim do ciclo de alta dos juros?

“Economix” também analisa a elevação dos juros nos Estados Unidos e o modo como a China tem gerido suas reservas internacionais

Após 12 altas consecutivas, o Comitê de Política Monetária (Copom), do Banco Central (Bacen), decidiu manter a taxa Selic em 13,75% ao ano (a.a.). O arrefecimento da inflação possibilitou que o ciclo de elevação da taxa básica da economia fosse interrompido.

Contudo, permanece uma pergunta: chegamos ao fim do processo de alta dos juros?

O Economix – podcast de economia e negócios da FecomercioSP – desta sexta-feira (23) avalia a decisão e o comunicado do colegiado a respeito das condições de juros e inflação do País.

Além disso, o programa destaca, com base no boletim Focus, as perspectivas mais otimistas do mercado quanto aos principais indicadores da economia nacional.

No cenário internacional, o episódio discorre sobre a alta dos juros promovida pelo Federal Reserve (FED). O banco central dos Estados Unidos elevou as taxas de referência, em 0,75 ponto porcentual (p.p.), para a faixa de 3% a 3,25% a.a. Com os juros no maior patamar desde a crise financeira de 2008, o mercado imobiliário já começa a sentir os efeitos do encarecimento dos financiamentos.

Por fim, a edição examina por que o governo da China tem reduzido as reservas em títulos do governo norte-americano, enquanto direciona os investimentos aos papéis das ilhas Cayman e Bermudas.

FONTE: fecomercio.com.br